Álvaro Valente da Silva (1994 - )

Álvaro Silva, licenciado em Performance Musical com a classificação máxima, 20 valores, na Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE) na classe do Professor Sérgio Carolino e Ricardo Antão.

Nasceu a 1 de julho de 1994 em Ovar. Iniciou os seus estudos musicais aos 9 anos na Escola da Banda Filarmónica Ovarense na classe de trombone tendo como professores Rui Bandeira, António Covas e José Azevedo.

Em 2004 ingressa na Academia de Música do Orfeão de Ovar na classe do professor Rui Pedro, um ano mais tarde muda para Eufónio e em 2007 retoma os estudos na Academia do Orfeão de Ovar na classe dos professores Daniel Dias e Alcides Paiva.

Em 2010 muda-se para o Conservatório de Música do Porto na classe do professor Avelino Ramos onde termina em 2014 o Ensino Secundário Artístico no Curso Secundário de Instrumento, com classificação de 19 valores.

Em 2014 é admitido pela Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE) na Licenciatura em Performance Musical na classe do Professor Sérgio Carolino e Ricardo Antão, terminando em 2017.

Frequentou masterclasses com Steven Mead, Thomas Ruedi, Anthony Caillet, Ricardo Antão, Demondrae Thurman, Matthew Murchison, Jorge Fernandes, Tom McClasin, Nimrod Ron, Bob Stewart, Roland Szentpáli, François Thuilier, József Bazsinka, Mike Forbes, Anne Jelle Visser, Oren Marshall.

Enquanto aluno, frequentou a Orquestra Sinfónica do Conservatório de Música do Porto assim como a Orquestra de Sopros e a Orquestra de Jazz da mesma instituição; colaborou com a Orquestra de Sopros da Escola Profissional de Viana do Castelo, Orquestra de Sopros da Academia de Música José Atalaya e a Orquestra Sinfónica de Jovens de Santa Maria da Feira. A nível profissional, colaborou com a Banda Sinfónica Portuguesa e com a Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, gravou Cds com diversas bandas e por duas vezes para a editora Molenaar.

Apresentou-se a solo com a Orquestra de Sopros da Academia de Música do Orfeão de Ovar, Orquestra Ligeira da Banda Filarmónica Ovarense, Banda Filarmónica Ovarense, Banda de Souto, Banda de Vilela e com a Orquestra de Sopros do Conservatório de Música do Porto. Apresentou-se também em recital onde estreou uma obra a si dedicada, Alva de Maio de Fernando Valente (trio para eufónio, trombone e piano).

Em 2008 obteve a 1ª classificação no Concurso de Musica na Academia do Orfeão de Ovar, em 2009 2º prémio no Concurso para Jovens Músicos em Pernik (Bulgária), em 2011 é finalista no Concurso de Instrumentos de Sopro Terras de La-Salette na categoria Júnior (sem atribuição das três classificações) e obtém o 2º prémio do Concurso Interno do Conservatório de Música do Porto na categoria de Sopros Metais, Nível B, em 2012 vence o Concurso Interno do Conservatório de Música do Porto na categoria de Sopros Metais, Nível B, em 2013 recebe o 2º Prémio (ex-áqueo, sem atribuição de 1º e 3º prémios) do Concurso Interno do Conservatório de Musica do Porto na categoria de Sopros Metais, Nível A e em 2014 vence o Concurso Interno do Conservatório de Musica do Porto na categoria de Sopros Metais, Nível A. Em 2017 foi Semifinalista no concurso internacional de Tuba e Euphonium de Chambray-les-Tours.

 

Atualmente é membro do Ensemble Português de Tubas (How Low Can You Go?), da Orquestra de Sopros da Fundação A’Lord e do grupo Intradições.

This composer has 1 work on AvA:

Fantasia

Ref. ava171708

Work Cover

16.00 €